Publicações Recentes
Uncategorized

The history of “scientist”

Postado originalmente em The Renaissance Mathematicus:
Today is a red-letter day for readers of The Renaissance Mathematicus; I have succeeded in cajoling, seducing, bullying, bribing, inducing, tempting, luring, sweet-talking, coaxing, coercing, enticing, beguiling[1] Harvard University’s very own Dr Melinda Baldwin into writing a guest post on the history of the term scientist, in particular its…

Compreensão pública da ciência

Apelo à autoridade

Quando veículos de comunicação de massa tem sua credibilidade abalada lançam mão de um mecanismo bem conhecido. Tomam emprestada a credibilidade de alguém cuja imagem seja imaculada. Candidatos a cargos públicos, como o executivo, geralmente usam a imagem de artistas carismáticos para embelezar a campanha ou, em alguns casos, de intelectuais para endossar um discurso … Continuar lendo

Compreensão pública da ciência/Educação

O toque feminino que revolucionou a biologia

Há muitos anos comecei a estudar bioquímica e, como todo bom curioso, sempre tive a necessidade de saber porque razão as coisas recebem os nomes que tem ou são como são. Para este tipo de curiosidade a bioquímica é um campo farto. Quando iniciei o mestrado interessei-me mais pelas proteínas e isso me fez mergulhar … Continuar lendo

Compreensão pública da ciência/Educação

Educação formal ou informal?

É provável que você tenha ouvido comentários como “A educação formal mata a criatividade” ou “As grandes mentes não tiveram educação formal“. É possível ainda que você tenha sido convencido sobre a verdade dessas afirmações e as tenha propagado por aí. Aqui pretendo mostrar o quão equivocado é este pensamento e como sua propagação é … Continuar lendo