Filosofia

Divagações sobre o espaço

Imagine um grão de areia, daqueles visíveis a olho nu. Construa a imagem do grão de areia sobre uma mesa, dentro de uma sala de um casarão. A sala parece um gigantesco ambiente a ser explorado pelo grão de areia. Esqueçamos o fato de que grãos de areia não têm impressões ou comportamento exploratório. Apenas o ambiente da sala lhe é visível e já lhe parece enorme. Contudo, ainda há os outros compartimentos do casarão que estão além dos limites restringidos pelas paredes.

Imagine um menino sentado sobre uma rocha olhando o mar e contemplando o quão grandioso parece o lugar em que ele se encontra. Neste caso os horizontes são as paredes, pois limitam seu campo visual. Contudo, o menino, diferente do grão de areia, pode ir além do horizonte. Somos tentados a supor que a comparação deixa a desejar pelo fato de sempre haver um novo horizonte que não podemos alcançar. Esta precipitada inferência só é válida se acreditarmos que o nosso menino imaginário irá fechar os olhos e, como num efeito de zoom, irá abrir os olhos no ponto de referência que ele demarcou como horizonte. O que proponho é que os novos limites são apresentados, gradativamente e exatamente, como novos limites além daqueles que já havíamos ultrapassado. Não é necessário termos a noção exata de onde era o limite do horizonte antes visto. Apenas estaremos lá e a cada passo um novo horizonte é erigido.

Qual a razão desta divagação? Entender que sempre teremos algo para conhecer e um universo grandioso para explorar. Não há como não ficar contemplativo diante de tamanha grandiosidade do universo. E, por favor, não sejamos tentados a empobrecer esta reflexão com divagações religiosas. Não constitui novidade a inferência de que quanto mais conhecemos, mais sabemos haver muito mais para se conhecer.

Licença Creative Commons
Este texto de Alison Chaves é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s